Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Há já muito tempo que não postava nada sobre bandas de Hardcore,isto porque este ano não tem havido grandes novidades neste género,o produto está cada vez mais esgotado e a tendência é cada vez mais deixar de haver hardcore puro misturando-se com outros géneros e sub géneros.
Contra isto nada,mas pessoalmente continuo a adorar aquele espírito de revolta,energia e sobretudo ATITUDE que caracteriza as verdadeiras bandas de hardcore.Os Sick Of It All,Madball e Agnostic Front continuam a oferecer-nos grandes trabalhos(quem disse que a idade não é um posto)mas existem ainda bandas da nova geração a praticar hardcore old school com conta,peso e medida tais como os Terror e estes espetaculares This Is Hell.Incrementando alguns solos de guitarra e alguns rifs mais trasheiros dando assim um ar mais fresco e revigorado ao seu próprio som,tem ainda assim o mérito de nunca se desviar do seu hardcore old school carregadissimo de breackdowns(mas como deve de ser)atitude e muita mas muita energia,excelente álbum,sim senhor...

This Is Hell – Black Mass (2011)

    New Albums (2011)    Comments to this post  

DOWNLOAD -> FileSonic | Wupload
This Is Hell – Black Mass (2011) [Scene]
Genre: Hardcore
Country: USA
Quality: MP3, CBR 320 kbps
MySpace
Tracklist:
01. Acid Rain
02. Black History
03. Salt The Earth
04. Black Mass
05. The Wars: Part I
06. Mi Nombre
07. The Last Outlaw
08. Demons
09. The Reckoning
10. The Wars: Part II



Sempre tive uma apetência muito grande de descobrir bandas de Metal fora dos circuitos tradicionais(USA,Inglaterra,Noruega ou Suécia),desta feita vamos fazer uma visita aos 'nuestros hermaos' e ficar com mais uma excelente banda de thrash groove metal nas fileiras deste humilde blog.
Depois de já nos terem presenteado com bandas como Hamlet,Mago De Oz,Berri Txarax,Ktulu,Angelus Apatrida ou Baron Rojo,quedemo-nos agora com os PODEROSÍSSIMOS Overdry...

Overdry – El Ultimo Camino (2010)  

TurboBit / Filesonic
Genre: Thrash Metal, Groove Metal
Origin: Spain
Quality: VBR V2
MySpace

Tracklist:
01. Exodo
02. Instinto
03. Sangre De Mi Sangre
04. El Show Del Miedo
05. Miseria
06. Bassiklo
07. Liberame
08. Catarsis
09. Holocausto
10. Diagnostico
11. El Ultimo Camino

A minha paixão por música em geral mas especialmente no espectro mais pesado é desmesurada,o que faz com que seja um curioso inveterado e ande sempre á procura de novos talentos que preencham a parte de mim que procura instintivamente algo novo e refrescante.
Neste quadro incerem-se os agora descobertos por mim Fallstaf,com o novíssimo disco Bastards Sons Of A Pure Breed.
O que esta banda pratica é um Rock muito musculado cheio de groove e carregadissimo de talento,além de serem uma banda muito coesa entre todos os seus músicos inserem ainda um quinto elemento,um trompetista(pois é) que dá um toque diferente e de genialidade a esta banda.O uso deste instrumento encontra-se muito em voga e diga-se com excelentes resultados em distintas  bandas como Isahn,Yakuza,Salon des Refusés ou Shining.
Se são de mente aberta e procuram algo diferente mas de qualidade,aqui fica mais uma banda para dissertar e explorar até ao tutano....

Fallstaf – Bastard Sons Of A Pure Breed (2011)

DOWNLOAD -> FileSonic | Wupload
Fallstaf – Bastard Sons Of A Pure Breed (2011)
Genre: Brass-Metal
Country: Canada
Quality: MP3, VBR V0 [Scene]
Facebook
Tracklist:
01. Dark Days
02. The Cost
03. Eulogy
04. Not Welcome
05. Pull The Knife
06. My Demons (Acoustic)
07. Ten Years In Flames
08. The Hounds
09. Fuck The Fence
10. My Demons
11. Violent As Violence Can Be


Depois da desilusão de bandas clássicas como Anthrax ou Machine Head,andei a franzir o sobreolho a tudo o que era lançado por bandas que aqui se enquadram.
Os veteranos Megadeth foram a próxima vitima desta desconfiança,após ouvir os singles de lançamento não augurava nada de espetacular.
Pois é,assimilado que está(e como deve de ser)este novo Th1rt3en,todos os medos desapareceram,parece que o regresso de Mustaine aos grandes discos está finalmente de regresso.Após andar a dar tiros no escuro na segunda metade da década de noventa e princípios de milénio com álbum como Youthanasia,Risk e Cryptic Writings regressou em grande forma em 2007 com  United Abominations,apesar de ainda ser um disco morno a génese que identificava os Megadeth como banda única no mundo estava de volta.Faltava apenas uma falha a ser colmatada,o ingresso de um grande guitarrista que fizesse esquecer de vez o incrível Martin Friedman,e assim foi,Chris Broadrick foi recrutado aos também excelentes(e infelizmente agora extintos)Nevermore de Jeff Loomis e Warrel Dane,e ascensão qualitativa no disco seguinte de seu nome End Game foi meteórica,mais um clássico de thrash heavy metal  foi escrito e o génio de Dave Mustaine estava definitivamente de volta.
Através do titulo e de algumas declarações de Dave tudo fazia prever que seria o ultimo disco,mas o impulso que a Big Four Tour criou nos renovados e revigorados Megadeth levou a que fizessem(e até ver)mais este glorioso disco.
Se Endgame tinha remeniscências Thasheiras de Rust In Peace já este Th1rt3en faz lembrar o mais mid tempo Countdown To Extinction,é,por isso mesmo,um disco novo menos rápido,mais melódico mas cheio de grande ganchos,solos inacreditáveis(como é que é possível tantos discos depois)muito groove á mistura e um Dave Mustaine muito prolífico a nível de letras com uma interpretação vocal numa toada mais morna(pois é,a idade e os excessos não perdoam)mas ainda assim muito sentida e de alto nível.
O disco é muito homogéneo,saboroso de inicio ao fim mas tem concerteza algumas malhas espetaculares que farão parte do seu novo set list de concertos tais como:Sudden Death,Whose Life ou Never Dead.
Dito isto,de quê que estão á espera...COMPRAR JÁ....


Megadeth – TH1RT3EN (2011) [HQ/FLAC]
http://3.bp.blogspot.com/-4OouG_XWp8E/Tn3VDjC1ppI/AAAAAAAABKQ/LCUm3DQ1AIc/s1600/Megadeth+-+Th1rt3en+%252801.11.2011%2529.jpg
DOWNLOAD -> FileSonic | Wupload
DOWNLOAD -> FileSonic | Wupload
Megadeth – TH1RT3EN (2011)
Genre: Thrash Metal, Heavy Metal
Country: USA
Quality: CBR 320 kbps (CD-Rip) | FLAC (tracks+.log+.cue)
MySpace
Tracklist:
01. Sudden Death (5:09)
02. Public Enemy No. 1 (4:15)
03. Whose Life (Is It Anyways?) (3:50)
04. We the People (4:33)
05. Guns, Drugs & Money (4:19)
06. Never Dead (4:32)
07. New World Order (3:56)
08. Fast Lane (4:04)
09. Black Swan (4:10)
10. Wrecker (3:51)
11. Millennium of the Blind (4:15)
12. Deadly Nightshade (4:55)
13. 13 (5:49)

domingo, 16 de outubro de 2011

Um verdadeiro fã dos Will Haven gosta essencialmente dos seus dois primeiros albums,albums esses que apresentam um hardcore visceral e muito duro mas com uma caracteristica muito mid tempo,guitarras deveras distorcidas com riffs ultra demolidores e um baixo ao estilo Tank Panzer da Segunda Grande Guerra Mundial ,que os punha completamente de parte(e á partida)noutro patamar.
No entanto foi o seu terceiro intento que mais me chamou a atenção.Deixando um pouco de lado o seu hardcore mais cru,decidiram fazer uma "visita" àquilo que hoje chamam de Post-Hardcore que tinha raízes em bandas como Refused e Snapcase.
Contudo a sua imagem de marca continuou intacta,riffs mid e contra tempo absolutamente devastadores e com um Grady Avenell a chegar ao expoente máximo a nível vocal e lirico,foi a partir de Carpe Diem que Grady se afirmou como um dos mais distintos vocalistas no mudo da música pesada,com uma voz enfadonha mas ao mesmo tempo prazerosa mas acima de tudo um belíssimo contador de histórias.
Após Carpe Diem decidiram cessar funções,para tristeza de todos os fãs.Mas essa tristeza durou pouco tempo,após um interregno de quatro ou cinco anos os Will Haven regressavam em grande com um novo disco e novo vocalista.Apesar do novo vocalista não fazer esquecer Grady cumpriu a sua função com destreza e sabedoria,contudo estas novas composições apesar de serem de grande qualidade perderam um bocado a grandiosidade que se fazia prever para um próximo disco após Carpe Diem.
Lacuna  essa que seria remendada neste ano de 2011 com o regresso da alma da banda Grady Avenell,fazendo com que os seus pares se inspirassem uma vez mais para criar uma obra soberba.
Aquilo que se queria como sucessor de Carpe Diem surge agora,com uma banda mais revigorada do que nunca,muito mais intensos(se é que isso ainda fosse possível),pesados,dramáticos e com alguns apontamentos industriais dando a este album uma textura magnifica quase palpável de medo,arrepios e sensação de desconforto(neste caso no bom sentido),ou seja uma verdadeira banda sonora para o melhor filme de terror que tenhas visto(fica ao vosso critério).
Se gostaram da ambiencia de Carpe Diem fiquem então com a mesma sensação a quadriplicar com o novíssimo Voir Dire.

Will Haven – Voir Dire (2011)




DOWNLOAD -> FileSonic | Wupload
Will Haven – Voir Dire (2011)
Genre: Experimental Sludge Metal/Post-Hardcore
Country: USA
Quality: MP3, VBR V0
MySpace
Tracklist:
01. Held To Answer
02. When The Walls Close In
03. Urban Agoge
04. The Siege
05. A Beautiful Death
06. Object Of My Affection
07. Midas Secret
08. Lives Left To Wither
09. Harvesting Our Burdens
10. Lost


Os Tool são provavelmente a banda mais genial visual e musicalmente a seguir aos Pink Floyd,o espaço de edição entre os seus albums é enorme mas quando surgem com uma nova proposta,é sem dúvida nenhuma arrasadora.
Como ainda não está previsto nada de novo para os próximos tempos o enigmático vocalista Maynard James Keenan vai-nos presenteando com alguns concertos com os seus A Perfect Circle e sobretudo com lançamentos dos seus Puscifer.
Admito que o seu primeiro album não me caiu no goto,acho mesmo que é uma lástima, mas foi muito bem recebido pela imprensa especializada.Desta feita,com o novo album,vi criticas muito negativas e pensei para mim próprio"pior do que já era é impossível",pois é,estamos perante um album de música alternativa muito avnt-garde de extrema qualidade com brilhante produção,pormenores minimalistas mas belíssimos,refrões orelhudissimos mas não "parolos" e com uma prestação vocal de Maynard completamente imaculada.
Desta vez sim,grande disco.Destaco principalmente a faixa 9-Conditions Of My Parole-um verdadeiro hino da música alternativa contemporanea,que também dá nome ao próprio album.
Apresento-vos assim este belíssimo disco e deixo-vos matar saudades com alguns dos mais belos vídeos da história do rock a cargo dos magnanimes Tool.

Puscifer – Conditions Of My Parole (2011)

DOWNLOAD -> FileSonic | Wupload
Puscifer – Conditions Of My Parole (2011)
Genre: Experimental / Industrial / Alternative Rock
Country: USA
Quality: MP3, CBR 320 kbps [CD-Rip]
MySpace
Maynard James Keenan (Tool, A Perfect Circle) project.
Tracklist:
01. Tiny Monsters (4:44)
02. Green Valley (3:54)
03. Monsoons (4:17)
04. Telling Ghosts (4:49)
05. Horizons (3:29)
06. Man Overboard (4:18)
07. Toma (3:39)
08. The Rapture (Fear Is a Mind Killa Mix) (6:13)
09. Conditions of My Parole (2:54)
10. The Weaver (4:40)
11. Oceans (3:42)
12. Tumbleweed (4:15)
















quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Altura houve em que andava fascinado com o rock industrial mas também já era adepto de Metal mais pesado e extremo.As únicas bandas que me preenchiam de certa forma das duas maneiras eram os Ministry e os Killing Joke,fã inveterado dos Sepultura(na época) fiquei siderado com o projeto Nailbomb com parceria de Max Cavalera e Alex Newport dos Fudge Tunel(banda que nunca me fascinou) e pouco depois cai-me em mãos(BOOOOM) o novo dos Fear Factory-Demanufacture,sem dúvida alguma, e até hoje a obra prima do Metal Indùstrial,pouco tempo depois fiquei a conhecer uma banda chamada Meshuggah através do álbum  Destroy-Erase-Improve que apesar de não têr grandes elementos industriais elevaram aquilo que os Fear Factory faziam técnicamente(musicalmente)falando a um patamar completamente superior,criando aquilo a que vulgarmente hoje se designa de Math Metal,apesar dos próprios não gostarem dessa designação a verdade é que as suas músicas parecem ter partida em equações gigantes em que o seu principio, meio e fim merecem nota 10 no resultado final.
muitas foram as bandas que tentaram reproduzir e misturar com qualidade a influencia das bandas atrás citadas,verdade é que poucas o conseguiram(a tarefa também não era fácil),as únicas bandas que o conseguiram de certa forma foram os Dinamarqueses Mnemic e os Norte Americanos Threat Signal,preconizando albums de estreia muito promissores.
Não sei porque raios,mas os seus albums seguintes apresentavam um quoficiente de má música estremamente alto,formulas repetidas até á exaustão,falta de criatividade e vocalizações demasiadamente melosas e "comerciais"para o meu gosto(absolutamente deprimente).
Enquanto os Mnemic se mantém abaixo da linha de água os Threat Signal lançam neste ano de 2011 um albúm estrondoso,completamente apanhado desprevenido e sempre com um pé atrás,rapidamente descobri que este é um album que não engana.Músicas distintas umas das outras,solos de guitarra soberbos,um baterista ao nível do que faz Tomas Haake dos Meshuggah com uma atuação verdadeiramente irrepreensivel e inesquecivel(se quiserem vale a pena ouvir o labum só para apreciar os minimalistas detalhes deste baterista)enfim,fantástico.O que mais me metia medo seriam as vocalizaçoes ,mas rapidamente fiquei descansado quando me apercebi que 80% éram a rasgar quase que a pedido das próprias músicas,os outros 20% quedam-se em vocalizações mais"clean" que ajudam na métrica das músicas nas partes chorus-verso-chorus dando-lhes assim um ar mais familiar a cada uma delas,sem nunca cair na choradeira ou na paneleirice EMO(os fans deste género que me desculpem)que vulgarizavam os albums anteriores.
Apresento-vos assim um dos álbum mais esmagadores deste ano que não vai deixar pedra sobre pedra onde quer que se faça ouvir.
Ficam também algumas pérolas atrás citadas para perceberem bem donde estes meninos vieram.


Threat Signal – Threat Signal (2011)

DOWNLOAD -> FileSonic | Wupload
Threat Signal – Threat Signal (2011)
Genre: Metalcore / Modern Metal / Melodic Death Metal
Country: USA
Quality: MP3, VBR V0
MySpace
Tracklist:
01. Uncensored (3:13)
02. Comatose (3:30)
03. New World Order (5:49)
04. Trust In None (6:15)
05. Face The Day (4:17)
06. Fallen Disciples (4:54)
07. Disposition (5:39)
08. Death Before Dishonor (4:55)
09. Buried Alive (6:14)
10. Resistance (Bonus track) (3:10)







http://www.mediafire.com/?en4muyj5tz5




http://www.mediafire.com/?d3zzwy5wmjo



 

O art work juntamente com o titulo do disco diz tudo a respeito da genialidade dos Meshuggah como banda,especialmente neste albúm.

http://www.mediafire.com/?jio3mezzmjw

No seguimento da escuta do novo album dos espanhóis Hamlet apeteceu-me não só postar este último mas também toda a sua discografia.Nem todos os albums dos Hamlet são excelentes,mas são com toda a certeza a acima da média.
Irrita-me profundamente quando conotam o som destes "meninos"com o atualmente malfadado Nu Metal,não que tenha algo contra esse género mas simplesmente porque não é verdade,o que esta banda pratica(desde 1992,ano em que a designaçao Nu Metal ainda estava por aparecer)é essencialmente um Groove Metal musculado,intenso e com uma sensibilidade invulgar,não alheio a este facto está o seu guru produtor e misturador(e também o meu preferido a par de Andy Sneap e Russ Russel)Collin Richardson.

Comprovem o que aqui vos digo e acompanhem a discorafia dos Hamlet com especial enfoque nos albums Insomnio e El Infeno(ES-PE-TA-CU-LA-RES).



http://www.mediafire.com/?gmnhzzzmkek-Peligroso.

http://www.filestube.com/8dbab0a7a65836dc03ea/go.html-Sanatorio de Muñecos

http://www.mediafire.com/?zytzbzzppnj-Revolución 12.111

http://www.mediafire.com/?cwdnzn4djbw-Insomnio

http://www.mediafire.com/?tj22lfmqmmi-El Inferno

http://www.mediafire.com/?kznnmonyakf-
Hamlet

http://www.mediafire.com/?mj5thjmkjmg-Syberia

http://www.mediafire.com/?xzqmhimmi1e-Pura Vida

http://www.mediafire.com/?nhnq52oi1md-La Puta y el Diablo

http://www.mediafire.com/?7kv6vbdo1aaa52k-Amnesia